Como os estudantes brasileiros percebem os Andes?

Mapeando áreas de riscos sociocriosféricos no Peru

Autores

DOI:

https://doi.org/10.46789/edugeo.v13i23.1257

Palavras-chave:

Sensoriamento Remoto, Cartografia escolar, Alfabetização Cartográfica, Letramento Cartográfico

Resumo

As comunidades andinas vêm sofrendo intensamente os impactos das mudanças climáticas. Portanto, o objetivo deste artigo é aplicar uma oficina sobre a Sociocriosfera Andina, com estudantes do ensino médio, visando compreender quais são as representações que os participantes possuem dos Andes. A oficina foi dividida em três momentos: levantamento dos conhecimentos prévios dos estudantes sobre o tema; sensibilização sobre a temática por meio de artigos científicos, mapas e fotografias; realização do mapeamento de geleiras da Cordilheira Vilcanota, a partir de imagens de satélites de 2013, 2019 e 2021, com representação das áreas de risco. No primeiro momento da oficina a maioria dos estudantes indicou que não possuía conhecimentos prévios sobre os Andes, apontando que esta cadeia montanhosa se localizava no Rio de Janeiro ou Uruguai. No segundo momento, a partir do debate sobre os riscos sociocriosféricos associados às mudanças climáticas, foi demonstrado interesse principalmente pelas inundações por transbordamento/rompimento de lagoas glaciais (GLOF). Em relação ao terceiro momento, os estudantes tiveram uma dificuldade inicial para realizar o mapeamento, por não entenderem que se tratava do mesmo ambiente ao comparar as três imagens satelitais de datas distintas, ou ainda, por decorrência das deficiências na alfabetização cartográfica. Após o auxílio dos ministrantes, o mapeamento foi feito por todos os participantes, sendo que 82% desses colocaram todos os elementos fundamentais do mapa e 43% indicaram as áreas de riscos sociocriosféricos. Os GLOFs foram os mais citados como possibilidade de risco para as comunidades andinas, e problemas com a criação de alpacas estão em segundo lugar. A oficina proposta, além de trabalhar com diversas competências e habilidades da BNCC, fomentou a discussão sobre o conceito de Sociocriosfera e proporcionou avanços no processo de alfabetização e letramento cartográfico.

Palavras-chave

Sensoriamento Remoto, Cartografia escolar, Alfabetização cartográfica, Letramento cartográfico.

 

How do Brazilian students perceive the Andes? Mapping areas of sociochriospheric risks in Peru

Abstract

Andean communities have been suffering intensely from the impacts of climate change. Therefore, the objective of this article is to apply a workshop on the Andean Sociocriosphere, with high school students, in order to understand what are the representations that the participants have of the Andes. The workshop was divided into three moments: survey of students' prior knowledge on the subject; raising awareness on the subject through scientific articles, maps and photographs; mapping of glaciers in the Cordillera Vilcanota, based on satellite images from 2013, 2019 and 2021, with representation of risk areas. In the first moment of the workshop, most students indicated that they had no previous knowledge about the Andes, pointing out that this mountain range was located in Rio de Janeiro or Uruguay. In the second moment, based on the debate on socio-cryospheric risks associated with climate change, interest was shown mainly in floods due to overflow/rupture of glacial lakes (GLOF). Regarding the third moment, the students had an initial difficulty in carrying out the mapping, because they did not understand that it was the same environment when comparing the three satellite images from different dates, or even, due to deficiencies in cartographic literacy. After the help of the lecturers, the mapping was done by all the participants, with 82% of these placing all the fundamental elements of the map and 43% indicating the areas of socio-criospheric risks. GLOFs were most cited as a potential risk to Andean communities, and problems with alpaca farming came in second. The proposed workshop, in addition to working with various skills and abilities of the BNCC, fostered discussion on the concept of Sociocriosphere and provided advances in the process of literacy and cartographic literacy.

Keywords

Remote Sensing, School Cartography, Cartographic literacy.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carina Petsch, Universidade Federal de Santa Maria

Possui graduação em Geografia (Bacharelado) pela Universidade Estadual de Maringá (2011), mestrado em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2014) e doutorado em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2018). Atuou como professora colaboradora da UNIOESTE, campus Francisco Beltrão, no período de 05/2018 a 03/2019. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geografia Física, atuando principalmente nos seguintes temas: Antártica, monitoramento de geleiras, Ensino Polar, Geomorfologia glacial, Sensoriamento Remoto e Cartografia escolar. Atua como pesquisadora no Laboratório de Geologia Ambiental (LAGEOLAM) da UFSM, Laboratório de Ensino e Pesquisas em Geografia e Humanidades (LEPGHU) e Centro Polar e Climático (CPC) da UFRGS. Atualmente é professora adjunta da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) atuando na área de Geografia Física, Ensino e Cartografia.

Eric Moises Beilfuss, Universidade Federal de Santa Maria

Graduando do curso de Geografia Bacharelado e Técnico em Meio Ambiente na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Atualmente é pesquisador e bolsista FIEX (Fundo de Incentivo à Extensão) pelo Laboratório de Geologia Ambiental (LAGEOLAM) no projeto Cartografia Colaborativa como Método de Elaboração do Atlas Municipal de Jari (RS), além disso, atuou como monitor da disciplina de Cartografia B (2021), ademais desenvolve pesquisas em relação aos municípios da região centro oeste do Rio Grande do Sul, relacionando com uso do solo e o mapeamento geomorfológico através da formulação de Atlas Geoambientais. Tem interesse em estudos de Geomorfologia, Geologia, Geografia Urbana, Análise Ambiental e Cartografia.

Franciele Delevati Ben, Universidade Federal de Santa Maria

Graduanda do Curso de Geografia Licenciatura na Universidade Federal de Santa Maria. Atualmente é pesquisadora do Laboratório de Geologia Ambiental (LAGEOLAM) da UFSM, participando do projeto Estudo do Lugar a partir do Atlas Geoambiental dos Municípios drenados pela Bacia do Rio Ibicuí, é também voluntária no Laboratório de Ensino e Pesquisas em Geografia e Humanidades (LEPGHU) da UFSM e Divulgadora Científica da Página Cartografia Viral no Instagram. Atua principalmente nos seguintes temas: mapeamento geoambiental, caderno didático e atlas.

Bruno Traesel Schreiner, Universidade Federal de Santa Maria

Graduado em Geografia Bacharelado (2017), pela Universidade Federal de Santa Maria - UFSM. Mestrado em Geografia no Programa de Pós-graduação em Geografia - PPGGEO da UFSM (2020). Educador de Geografia na rede estadual do Rio Grande do Sul, atualmente no Colégio Estadual Padre Rômulo Zanchi. Participou do coletivo de Educação Popular Práxis de 2017 a 2020. Realiza pesquisas nas áreas de Geografia Humana, em especial Geografia Agrária, com aprofundamento em temas relacionados a agricultura familiar, agroecologia, reforma agrária e agronegócio.

Rafaela Mattos Costa, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Licenciada em Geografia e Mestra em Geografia e Ambiente pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Anderson Ribeiro de Figueiredo, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Bacharel em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS (2014). Mestre em Geografia pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia - POSGea/UFRGS (2017) com dissertação aprovada com voto de louvor. Doutor em Geografia pelo POSGea/UFRGS (2021) com tese aprovada com voto de louvor. Pós-doutorando financiado pelo Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia da Criosfera / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do RS (INCT/FAPERGS). Participou do Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior - PDSE (2019-2020), densenvolvendo pesquisas científicas sobre mudanças climáticas e sociedade no Integrative and Global Studies (IGSD), uma unidade da Global School no Worcester Polytechnic Institute - WPI, em Massachusetts, Estados Unidos - financiado pela Capes/PRINT. Investiga a sociocriosfera e o etnoconhecimento andino, em um contexto de adaptação às mudanças climáticas pelas comunidades campesinas dos Andes Centrais. Nesse contexto, realiza expedições na Cordillera Blanca (Peru), onde desenvolve trabalho de campo com a perspectiva etnográfica. Elabora pesquisas no Centro Polar e Climático - CPC. Participou da expedição OPERANTAR XXXIII, auxiliando no mapeamento pedológico da Ilha Nelson, Antártica. Integra a equipe do projeto internacional Torotoro Geoparque Andino e participou em 2017 e 2019 de expedições científicas na Bolívia, onde ministrou curso de Cartografia Participativa e elaborou uma série de mapeamentos. Foi tutor do curso "Mapeo Geológico Participativo en Torotoro Geoparque Andino, Potosí, Bolívia", e um dos ministrantes no "Seminário Internacional Mapeo Geológico en Contexto de Geoparques Andinos: Nuevas Claves para el Siglo XXI", ambos promovidos pelo International Geoscience and Geoparks Programme (IGCP-UNESCO-IUCS), Foro Latino-Americano de Ciências Ambientais (FLACAM - Cátedra UNESCO/Rede UNITWIN), Fundación Emegece, UFRGS e Universidad Mayor San Andrés (UMSA). Tem particular interesse nas áreas de Geografia Cultural, Geografia Física, Criosfera, Geleiras Tropicais, Sistemas de Informação Geográfica, Cartografia Participativa, Etnografia, Educação em Ciências da Terra.

Kátia Kellem da Rosa, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Geologia Marinha, UFRGS. Possui graduação em Licenciatura e Bacharelado em Geografia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2006), mestrado em Geologia Marinha (UFRGS) (2009). Professora no Departamento de Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS. Professora Permanente no Pós-Graduação em Geografia da UFRGS. Possui produtividade em Pesquisa CNPq Nível 2. Coordenadora do Laboratório de Geomorfologia e Sedimentologia glacial do Centro Polar e Climático na UFRGS. Membro do Centro Estadual de Pesquisas em Sensoriamento Remoto e Meteorologia. Membro editorial da Revista Pesquisas em Geociências UFRGS. Trabalha em projetos de pesquisa no Centro de Pesquisas Antárticas e Climáticas da UFRGS, e Laboratório do Processos Sedimentares e Ambientais da UFF, Laboratório de Cartografia na Geografia em Santa Maria, integrados ao Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia da Criosfera. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em ambientes glaciais, atuando principalmente nos seguintes temas: Sensoriamento Remoto da neve e do gelo, Modelos Digitais de Elevação, processamento digital de imagens, Antártica, ambientes de montanha, Geomorfologia, Sedimentologia, Glaciologia, paleoglaciologia, mudanças climáticas.

Referências

AFONSO, A. E. Perspectivas e possibilidades do ensino e da aprendizagem em Geografia física na formação de professores. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2015.

BACH, E.; RADIĆ, V.; SCHOOF, C. How sensitive are mountain glaciers to climate change? Insights from a block model. Journal of Glaciology, v. 64, n. 244, p. 247-258, 2018. Disponível em: https://www.cambridge.org/core/journals/journal-of-glaciology/article/how-sensitive-are-mountain-glaciers-to-climate-change-insights-from-a-block-model/28BA3694D360B9CDE899703750C84900. Acesso em: 8 jun. 2023.

BERTOLINI, W. Z. O ensino do relevo: noções e propostas para uma didática da geomorfologia. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Departamento de Geografia da Universidade Federal de Minas Gerais, Minas Gerais, 2010.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2018.

CAREY, M. et al. Synthesis and conclusions: The future of high-mountain cryospheric research. In: HUGGEL C; CAREY M; CLAGUE J. J.; KAAB, A. (Eds) The High-Mountain Cryosphere: Environmental Changes and Human Risks. Cambridge: Cambridge University Press, p. 339-353, 2015.

CAREY, M. Disasters, development, and glacial lake control in twentieth-century Peru. In: WIEGANDT, E. (Eds.) Mountains: Sources of water, sources of knowledge. Springer, Dordrecht, v.31, p. 181-196, 2008. Disponível em: https://link.springer.com/chapter/10.1007/978-1-4020-6748-8_11. Acesso em: 8 jun. 2023.

CARRIVICK, J. L.; TWEED, F. S. A global assessment of the societal impacts of glacier outburst floods. Global and Planetary Change, v. 144, p. 1-16, 2016. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0921818116301023. Acesso em: 8 jun. 2023.

CASTELLAR, S. M. V. Cartografia escolar e o pensamento espacial fortalecendo o conhecimento geográfico. Revista Brasileira de Educação em Geografia, Campinas, v.7, n.13, p. 207–232, 2017. Disponível em: https://www.revistaedugeo.com.br/revistaedugeo/article/view/494/236. Acesso em: 8 jun. 2023

CASTELLAR, S. M. V.; DE PAULA, I. R. O papel do pensamento espacial na construção do raciocínio geográfico. Revista Brasileira de Educação em Geografia, Campinas, v. 10, n. 19, p. 294-322, 2020. Disponível em: https://revistaedugeo.com.br/revistaedugeo/article/view/922/427. Acesso em: 8 jun. 2023.

CAMPOS, J. O.; MARINHO, J. O.; REINALDO, L. R. L. R. Experimentos como recursos didáticos para educação em solos no ensino de geografia. Revista Ensino de Geografia (Recife), Recife, v. 2, n. 1, p. 167- 186, 2019. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/ensinodegeografia/article/download/240694/32673. Acesso em: 8 jun. 2023.

COSTA, R. M. Migrações na comunidade campesina de Phinaya, Cordilheira Vilcanota, Peru: contexto das mudanças climáticas e socioambientais. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2022.

DING, Y. et al. Increasing cryospheric hazards in a warming climate. Earth-Science Reviews, v. 213, p. 103500, 2021. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0012825220305468. Acesso em: 8 jun. 2023.

DUSSAILLANT, I. et al. Two decades of glacier mass loss along the Andes. Nature Geoscience, Londres, v. 12, n. 10, p. 802-808, 2019. Disponível em: https://www.nature.com/articles/s41561-019-0432-5. Acesso em: 8 jun. 2023.

EMMER, A. et al. Progress and challenges in glacial lake outburst flood research (2017–2021): a research community perspective. Natural Hazards Earth System Sciences, Berlim, v. 22, n. 9, p. 3041–3061, 2022. Disponível em: https://nhess.copernicus.org/articles/22/3041/2022/. Acesso em: 8 jun. 2023.

EVANS, S. G. et al. A re-examination of the mechanism and human impact of catastrophic mass flows originating on Nevado Huascarán, Cordillera Blanca, Peru in 1962 and 1970. Engineering Geology, v. 108, n. 1-2, p. 96-118, 2009. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0013795209001574. Acesso em: 8 jun. 2023.

FIGUEIREDO, A. R. et al. Percepções e adaptações às mudanças climáticas na Cordilheira Branca, Peru. Sociedade & Natureza, Uberlândia, v. 31, p. 1–23, 2019. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/sociedadenatureza/article/view/45623. Acesso em: 8 jun. 2023.

FIGUEIREDO, A. R. et al. Mudanças climáticas e impactos sócio-territoriais dos desastres glaciais na Cordilheira Branca, Peru. Confins, Paris, n. 47, 2020. Disponível em: https://journals.openedition.org/confins/33198?lang=pt. Acesso em: Acesso em: 8 jun. 2023.

FIGUEIREDO, A. R. Sociocriosfera andina: etnoconhecimento ancestral e a ruptura pós-colonial nos Andes Ancestrais. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2021. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/226139. Acesso em: 8 jun. 2023.

FLORENZANO, T. G. Geotecnologias na geografia aplicada: difusão e acesso. Revista do Departamento de Geografia, São Paulo, v. 17, p. 24-29, 2005. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rdg/article/view/47272/51008. Acesso em: 8 jun. 2023.

GARREAUD, R. D.; VUILLE, M.; COMPAGNUCCI, R. MARENGO, J. Present-day south american climate. Palaeogeography, Palaeoclimatology, Palaeoecology, v. 281, n. 3-4, p. 180-195, 2009. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0031018208005002. Acesso em: 8 jun. 2023.

HARRISON, S. et al. Climate change and the global pattern of moraine-dammed glacial lake outburst floods. The Cryosphere, v. 12, n. 4, p. 1195-1209, 2018. Disponível em: https://tc.copernicus.org/articles/12/1195/2018/. Acesso em 8 jun. 2023.

HEIKKINEN, A. Climate change in the Peruvian Andes: a case study on small-scale farmers’ vulnerability in the Quillcay River basin. Iberoamericana: Nordic Journal of Latin American Studies, v. 46, n. 1, p. 77–88, 2017. Disponível em: https://helda.helsinki.fi/handle/10138/296513. Acesso em: 8 jun. 2023.

HALASZEN, L.; GOMES, M. F. V. B. Tecnologias geocolaborativas na educação geográfica: uma busca pela formação cidadão. Revista Brasileira de Educação em Geografia, Campinas, v. 12, n. 22, p. 05-20, 2022. Disponível em: https://revistaedugeo.com.br/revistaedugeo/article/view/1102/581. Acesso em: 8 jun. 2023.

HUGGEL, C. et al. Loss and damage in the mountain cryosphere. Regional Environmental Change, v. 19, n. 5, p. 1387-1399, 2019. Disponível em: https://research-information.bris.ac.uk/en/publications/loss-and-damage-in-the-mountain-cryosphere. Acesso em: 8 jun. 2023.

INAIGEM. Instituto Nacional de Investigación En Glaciares y Ecosistemas de Montaña. Inventario Nacional de Glaciares: las Cordilleras Glaciares del Perú. Huaraz: Instituto Nacional de Investigación En Glaciares y Ecosistemas de Montaña - Biblioteca y Publicaciones. 348 p, 2018. Disponível em: http://sigrid.cenepred.gob.pe/sigridv3/storage/biblioteca//5176_inventario-nacional-de-glaciares-las-cordilleras-glaciares-del-peru.pdf. Acesso em: 27 nov. 2022.

IOM. International Organization For Migration. 2009. Glossário sobre Migração. Organização Internacional para as Migrações (OIM), 92 p. Disponível em: https://publications.iom.int/system/files/pdf/iml22.pdf. Acesso em: 27 nov. 2022.

LIBERMAN, M. Climate Change, Wetland Management and Alpaca Pastoralism in the Bolivian High Andes Mountains. Tools for Landscape-Scale Geobotany and Conservation. Springer, Cham, p. 65-98, 2021. Disponível em: https://link.springer.com/chapter/10.1007/978-3-030-74950-7_5. Acesso em: 8 jun. 2023.

LÜNING, S. et al. Attribution of modern Andean glacier mass loss requires successful hindcast of pre-industrial glacier changes. Journal of South American Earth Sciences, v.119 p. 104024, 2022. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0895981122003108. Acesso em: 8 jun. 2023.

OLIVEIRA, I. J.; NASCIMENTO, D. T. F. As geotecnologias e o ensino de cartografia nas escolas: potencialidades e restrições. Revista Brasileira de Educação em Geografia, Campinas, v. 7, n. 13, p. 158-172, 2017. Disponível em: https://revistaedugeo.com.br/revistaedugeo/article/view/491/233. Acesso em: 8 jun. 2023.

OLIVER-SMITH, A. Climate Change and Displacement: Disasters and Diasporas in the Twenty-first Century. In: Crate, S.A. & Nuttall, M. (Eds). Anthropology & Climate Change: from encounters to actions. p. 116-138, 2009.

PEREIRA, T. Remote sensing as a didatic resourse at middle school. 2007. 122 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007. Disponível em: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16277. Acesso em: 8 jun. 2023.

PETSCH, C.; SILVEIRA, P. C.; HOLGADO, F. L.; ROSA, K. K.; VELHO, L. F.; SIMÕES, J. C. Sentindo os pólos: experiências sensoriais para o aprendizado de Antártica e Ártico. In: PESSOA, V. L. S.; RUCKERT, A. A.; RAMIRES, J. C. L. (Orgs.) Pesquisa Qualitativa: Aplicações em Geografia. Porto Alegre: Imprensa Livre, 2017. Disponível em: https://lume.ufrgs.br/handle/10183/172844?locale-attribute=en. Acesso em: 8 jun. 2023.

PISSINATI, M. C.; ARCHELA, R. S. Fundamentos da alfabetização cartográfica no ensino de geografia. Geografia, Londrina, v. 16, n. 1, p. 169-95, 2007. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/2010/artigos_teses/GEOGRAFIA/Artigos/art_cartografia_geo.pdf. Acesso em: 8 jun. 2023.

POSTIGO, J. C. Perception and resilience of Andean populations facing climate change. Journal of Ethnobiology, v. 34, n. 3, p. 383-400, 2014. Disponível em: https://bioone.org/journals/journal-of-ethnobiology/volume-34/issue-3/0278-0771-34.3.383/Perception-and-Resilience-of-Andean-Populations-Facing-Climate-Change/10.2993/0278-0771-34.3.383.full. Acesso em: 8 jun. 2023.

RAMOS, E. P. Refugiados ambientais: em busca de reconhecimento pelo direito internacional. Tese (Doutorado) – Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, USP, São Paulo, 2011. Disponível em: https://www.acnur.org/fileadmin/Documentos/portugues/eventos/Refugiados_Ambientais.pdf. Acesso em: 8 jun. 2023.

RIBEIRO, R. R. Geleiras tropicais na América do Sul e as variações climáticas da Bacia Amazônica Ocidental. Tese (Doutorado) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2014. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/88627. Acesso em: 8 jun. 2023.

RICHARDSON, S. D.; REYNOLDS, J.M. An overview of glacial hazards in the Himalayas. Quaternary International, v. 65, p. 31-47, 2000. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S104061829900035X. Acesso em: 8 jun. 2023.

RICHTER, D. A linguagem cartográfica no ensino de Geografia. Revista Brasileira de Educação em Geografia, Campinas, v. 7, n. 13, p. 277-300, 2017. Disponível em: https://revistaedugeo.com.br/revistaedugeo/article/view/511/252. Acesso em: 8 jun. 2023.

RIZZATTI, M. Cartografia escolar, inteligências múltiplas e neurociências no ensino fundamental: a mediação (geo)tecnológica e multimodal no ensino de geografia. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2022. Disponível em: https://repositorio.ufsm.br/handle/1/24075. Acesso em: 8 jun. 2023.

SANTOS, F. C.; PEREIRA FILHO, W. O uso de imagens de satélite como recurso didático para o estudo da categoria lugar. Geo UERJ, Rio de Janeiro, v. 2, n. 21, p. 330-358, 2010. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/geouerj/article/viewFile/1490/1248. Acesso em: 8 jun. 2023.

SCHOOLMEESTER, T. et al. Atlas de Glaciares y Aguas Andinos. El impacto del retroceso de los glaciares sobre los recursos hídricos. Arendal: UNESCO e GRID-Arendal, p. 77. 2018.

STUART-SMITH, R. F; LI, GH. R.; ALLEN, S. Increased outburst flood hazard from Lake Palcacocha due to human-induced glacier retreat. Nature Geoscience, v. 14, n. 2, p. 85-90, 2021. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/349047033_Increased_outburst_flood_hazard_from_Lake_Palcacocha_due_to_human-induced_glacier_retreat. Acesso em: 8 jun. 2023.

SIMIELLI, M. E. R. Cartografia no ensino fundamental e médio. In: CARLOS, A. F. A. (Org.). A Geografia na sala de aula. São Paulo: Contexto, 1999.

SOUZA, C. J. O. Geomorfologia no ensino superior: difícil, mas interessante! Por quê? Uma discussão a partir dos conhecimentos e das dificuldades entre graduandos de geografia. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2009. Disponível em: https://repositorio.ufmg.br/handle/1843/MPBB-7SAPFR. Acesso em: 8 jun. 2023.

SOUZA, C. J. O.; VALADÃO, R. C. Habilidades e competências no pensar e fazer geomorfologia: proposta para a formação em geografia. GEOUSP Espaço e Tempo, São Paulo, v. 19, n. 1, p. 93-108, 2015. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/geousp/article/view/99768/98626. Acesso em: 8 jun. 2023.

SOUZA, P. B. M.; MORAIS, K. S. A percepção docente sobre o retorno as aulas presenciais na pandemia da Covid-19. Revista de Educação, Saúde e Ciências do Xingu, Altamira, v. 1, n. 5, p. 102- 112, 2022. Disponível em: https://periodicos.uepa.br/index.php/rescx/article/view/5195/2416. Acesso em: 8 jun. 2023.

UGRH. Unidad de Glaciologia y Recursos Hidricos. 2014. Inventario de Glaciares del Peru. 2. ed. Huaraz: Ana - Autoridad Nacional del Agua, 56 p. Disponível em: http://ponce.sdsu.edu/INVENTARIO_GLACIARES_ANA.pdf. Acesso em: 15 maio 2020.

VEETTIL, B. K.; SOUZA, S. F. Study of 40-year glacier retreat in the northern region of the Cordillera Vilcanota, Peru, using satellite images: preliminary results. Remote Sensing Letters, v. 8, n. 1, p. 78-85, 2017. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/2150704X.2016.1235811. Acesso em: 8 jun. 2023.

VEH, G.; KORUP, O.; WALZ, A. Hazard from Himalayan glacier lake outburst floods. Proceedings of the National Academy of Sciences, v. 117, n. 2, p. 907-912, 2020. Disponível em: https://www.pnas.org/doi/abs/10.1073/pnas.1914898117. Acesso em: 8 jun. 2023.

VIEIRA, D. M.; CARVALHO, V. M. S. G.; ZANI, M. V. O uso de imagens de satélite como suporte para o aprendizado significativo da cartografia no ensino fundamental. Giramundo: Revista de Geografia do Colégio Pedro II, Rio de Janeiro, v. 2, n. 3, p. 119-125, 2015. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/descarga/articulo/5489964.pdf. Acesso em: 8 jun. 2023.

VUILLE, M. et al. Climate change and tropical Andean glaciers: Past, present and future. Earth-science reviews, v. 89, n. 3-4, p. 79-96, 2008. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0012825208000408. Acesso em: 8 jun. 2023.

VUILLE, M. et al. Rapid decline of snow and ice in the tropical Andes–Impacts, uncertainties and challenges ahead. Earth-science reviews, v. 176, p. 195-213, 2018. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0012825216304512. Acesso em: 8 jun. 2023.

WRATHALL, D. J. et al. Migration amidst climate rigidity traps: Resource politics and social–ecological possibilism in Honduras and Peru. Annals of the Association of American Geographers, v. 104, n. 2, p. 292-304, 2014. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/00045608.2013.873326. Acesso em: 8 jun. 2023.

Downloads

Publicado

22/06/2023

Como Citar

Petsch, C., Beilfuss, E. M., Ben, F. D., Schreiner, B. T., Costa, R. M., Figueiredo, A. R. de, & Rosa, K. K. da. (2023). Como os estudantes brasileiros percebem os Andes? Mapeando áreas de riscos sociocriosféricos no Peru. Revista Brasileira De Educação Em Geografia, 13(23), 05–26. https://doi.org/10.46789/edugeo.v13i23.1257

Artigos Semelhantes

<< < 8 9 10 11 12 13 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.